Get Your Premium Membership

Tempos

Tempos Hoje vivemos aqueles tempos inquietos e duvidosos, entreaberto botão, entrefechada rosa! O novo, às vezes avança, outras avança mais ah! se nesse tempo, bom senso é cair-lhes aos pés, confiar-lhe a esperança, ver nascer um botão, para encontrar uma rosa e fazer mais e mais!

Copyright © | Year Posted 2021




Post Comments

Poetrysoup is an environment of encouragement and growth so only provide specific positive comments that indicate what you appreciate about the poem.

Please Login to post a comment

A comment has not been posted for this poem. Encourage a poet by being the first to comment.